Projeto em Colinas incentiva leitura desde a infância

 

Um dos grandes desafios dos professores da educação básica é ensinar a leitura para seus alunos, uma vez que a sua prática aprimora o vocabulário e dinamiza o raciocínio e a interpretação. Ler não significa apenas decodificar o código, mas dar significado a ele, possibilitando a leitura do mundo e o desenvolvimento da capacidade de nos tornarmos mais críticos e reflexivos. Porém, com o avanço das tecnologias do mundo moderno, cada vez menos as pessoas se interessam pela leitura de livros ou de textos impressos, especialmente dos que tenham maior extensão. Desta forma, o município de Colinas, preocupado em formar cidadãos leitores, quer incentivar os seus educandos a criar este hábito desde a primeira infância para que se torne um processo contínuo e para toda a vida.

 

Para tanto, foram adquiridos livros de leitura para cada aluno da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Pequeno Mundo e da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Ipiranga para desenvolver um projeto de leitura que envolverá todos os alunos e professores dos educandários. Os livros foram selecionados pelos professores conforme o nível de cada turma. Um dos objetivos é ensinar os alunos a ler, num ambiente e com postura adequados para a atividade. Após, a temática dos livros será trabalhada em todas as disciplinas de forma a expandir o conhecimento de mundo dos estudantes fazendo ligações com a realidade e com os conteúdos trabalhados em sala de aula.

 

Os professores já receberam um exemplar do livro que irão trabalhar e estão elaborando atividades acerca da temática do mesmo. Neste ano, serão trabalhadas obras de dois autores, sendo eles: Léia Cassol, desde o berçário até o 7º ano, (A menina do cabelo roxo em: o chá das maravilhas; Uma história apaixonada; A menina do cabelo roxo em: Meu Chapéu; Homero; A casa que o lobo fez; A menina do cabelo roxo e a flor amarela; Imaginação; Um lugar especial; Álbum da Fe Li Cidade – municípios; Um quero-quero me contou...; As aventuras de Beto e Fê: O último guardião) e Uili Bergammín Oz, nas turmas de 8º e 9º ano (Dom Quixote de La Mancha – adaptação do romance de Miguel de Cervantes Saavedra).

 

Por fim, será promovido um encontro dos alunos com os autores dos livros junto à Feira do Livro que ocorrerá dia 2 de agosto. Na oportunidade, também haverá a feira de ciências da escola Ipiranga e outras atividades artístico-culturais abertas ao público em geral. A programação detalhada será divulgada futuramente.

 

Foto: Divulgação

Portais:

                                                         webmail