Agosto Dourado será tema de encontro sobre aleitamento materno

Em alusão à 25ª Semana Mundial da Amamentação, que é comemorada de 1º a 7 de agosto, a Secretaria Municipal da Saúde promove o segundo Encontro de Puérperas com o tema “Agosto Dourado”. O objetivo é estimular a amamentação exclusiva até o sexto mês de vida e complementado até dois anos ou mais. O público-alvo são mulheres 45 após o parto e mães que amamentam bebês de até um ano.

A atividade ocorrerá dia próxima terça-feira, dia 25 de julho, no auditório da Unidade Básica de Saúde (UBS), a partir das 13h30min. A fonoaudióloga Gisele Fernanda Schaurich Rezende falará sobre linguagem e desenvolvimento da fala. Será equipado um estúdio fotográfico. As imagens captadas virarão um varal que deverá ser exposto na Unidade.

Saiba mais

O mês de agosto é conhecido como Agosto Dourado porque simboliza a luta pelo incentivo à amamentação. A cor dourada está relacionada ao padrão ouro de qualidade do leite materno. São 30 dias em que são celebrados a promoção, a proteção e o apoio ao aleitamento.

Há 25 anos acontecem ações, no mundo todo, em prol da amamentação. São dias de atividades que buscam promover o aleitamento exclusivo até o sexto mês de vida, se estendendo até os dois anos ou mais. A Semana Mundial de Aleitamento Materno faz parte de uma história focada na sobrevivência, proteção e desenvolvimento da criança. Atualmente, é considerada um veículo que promove o aleitamento em 120 países. No Brasil, o Ministério da Saúde coordena as ações desde 1999. Estudos indicam que somente cerca de 9% das crianças brasileiras beneficiam-se do aleitamento materno exclusivo. E a média, geralmente, é de apenas 54 dias de amamentação por criança. Estes números são as evidências das quais precisamos para entender a urgência da necessidade de participação e colaboração de todos em prol do aleitamento materno.

Foto: Divulgação

Portais:

                                                         webmail